Alguém falou em LinkedIn?

Alguém falou em LinkedIn?

Se há coisa que quem quer ser empreendedor precisa de ter, é um perfil no LinkedIn! Porquê? Perguntam vocês. Porque o LinkedIn é a maior plataforma profissional que existe e, atualmente, já conta com mais de 500 milhões de usuários espalhados pelo Mundo.

E para que serve? Para que estudantes e profissionais possam partilhar o seu currículo de forma “global” e, para que as empresas possam conhecer, de forma quase imediata, os candidatos que ambicionam entrar no mercado de trabalho.

Pronto, apresentações feitas. Vamos agora ao que interessa!

Provavelmente, grande parte de vocês já tem um perfil no LinkedIn certo? O problema é que, muitas vezes, não sabem como tirar o maior proveito dele.

Então, aqui ficam algumas sugestões que vos ajudarão:

  1. Foto de perfil

É importante que a foto de perfil seja profissional e adaptada ao tipo de atividade em que estão inseridos.

Recomendações básicas:

  • Maquilhagem neutra e cabelo arranjado;
  • Rosto em primeiro plano;
  • Imagem com boa qualidade;
  • Cores pouco chamativas;

Poderão também acrescentar uma foto de capa que dará maior visibilidade ao perfil.

  1. O idioma

O idioma definido deve ser o Inglês, para que a informação possa ser compreendida em qualquer parte do Mundo (isto claro, se estivermos a falar de uma área profissional cuja comunicação seja global).

  1. Informação no perfil

É importante não deixar escapar informação pertinente mas, ao mesmo tempo, tem de haver uma seleção cuidada para que o perfil não se torne chato e enfadonho.

Recomendações básicas:

  • Colocar apenas as Instituições de Ensino mais relevantes, como Universidades;
  • Experiência em “trabalhos de verão” devem ser mencionadas e são, na verdade, bastante valorizadas pelas empresas. No entanto, caso nada tenham a ver com a área profissional que procuram, agreguem essa informação (por exemplo, em “Trabalhos Sazonais”);
  • Informação sobre estágios e projetos de voluntariado nunca é demais e deve ser bem detalhada;
  • Usem as recomendações e  habilidades recomendadas por terceiros para melhorar e dar visibilidade ao vosso perfil;
  1. Rede de contactos

Se o objetivo do LinkedIn é partilhar informação profissional, então o mais importante é, sem dúvida, criar uma boa rede de contactos.
Mas atenção: a quantidade não é tudo, por isso procurem sempre adicionar pessoas que sejam do vosso interesse profissional.

  1. Mantém-te ativo

Partilhem conteúdos com a rede, desde investigações até à vossa opinião pessoal sobre determinado assunto. Isto é muito importante para que os interessados possam conhecer o vosso trabalho e, quem sabe, receberem algumas recomendações (algo que as empresas também valorizam muito).

Felicitar os contactos quando iniciam novas atividades ou quando é o seu dia de aniversário e deixar o feedback nas suas publicações são outras formas de se mostrarem visíveis.

 

É muito importante que dediquem algum do vosso tempo a esta plataforma, uma vez que há cada vez mais empresas a procurar e contratar por esta via. E adivinhem… A Forall Phones não é exceção! Segundo uma pesquisa do LinkedIn Sales Navigator feita a 3 de Setembro de 2018, a Forall Phones tinha sido, nos últimos 90 dias até à data, uma das principais empresas a contratar pelo LinkedIn, acompanhando nomes como a Jerónimo Martins e a EY.

 

Improve every day. Create impact

Daniela Cardoso

Artigo anterior This is your time - make yourself proud! ✊

Deixe o seu comentário

* Campos obrigatórios